Educação bilíngue desde a primeira infância – PARTE 2

o-KID-FOREIGN-LANGUAGE-570

Olá de volta! Vamos continuar falando sobre a educação bilíngue. A verdade é que no começo é bem difícil, pois temos que ter muita convicção da nossa escolha, para não ficar tentado a desistir diante das opiniões diferentes. Eu entendo a preocupação dos familiares com relação a essa escolha, mas no fundo eles também entendem a importância dessa forma diferente de educar. Afinal, atualmente o inglês é uma língua de comunicação internacional.

É verdade que alguns profissionais são contra o bilinguismo infantil, afirmando que isto causa atraso na fala, confusão linguística e às vezes retrocesso cognitivo. Esta visão é baseada em estudos do início da década de 1990, com crianças de vários países, porém tinha um objetivo não muito isento ou imparcial (infelizmente, nem sempre a ciência consegue ser imparcial, precisamos admitir).

Segundo a Louise Machado**, esses estudos tinham como objetivo mostrar que pessoas vindas de outros países não eram bem-vindas, tanto por miscigenação, quanto por multiculturalismo. Nestes estudos os indivíduos bilíngues eram inferiores a monolíngues, tanto neurologicamente como em seu desenvolvimento cognitivo.

Mas estudos realizados no Canadá, desde a década de 1970, onde profissionais de linguística, sociologia, psicologia, dentre outras áreas, analisaram a proficiência e o desenvolvimento cognitivo, neurológico e articulatório de crianças que tinham acesso a mais de uma língua em casa, ou na escola. De acordo com a Louise Machado**, esses estudos mostraram que o bilinguismo não causa atraso na fala, confusão de códigos, defasagem cognitiva, sendo assim a fala dos indivíduos envolvidos na pesquisa era compatível com o esperado.

Concluindo, os estudos mais recentes apontam para a vertente que prova que o bilinguismo traz muito mais vantagens do que dificuldades para os indivíduos.

Alguns conceitos precisam ser esclarecidos, pois muitas vezes causam certa confusão para quem não conhece muito sobre o assunto. Afinal, o que é ser bilíngue? Qual a diferença entre bilíngue e biletrado? Alice ainda não está alfabetizada, uma vez que ela tem apenas 2 anos e 7 meses, mas posso afirmar para você que ela já é letrada.

O letramento é um processo que inicia antes da alfabetização, pois inicia com a assimilação dos sons das letras e com a identificação das letras presentes dentro das palavras faladas. Uma criança letrada compreende e consegue utilizar corretamente as palavras nas práticas sociais, ela consegue identificar os vocábulos produzidos por meio da fala. A alfabetização é a capacidade de utilizar corretamente o sistema convencional de escrita, ou seja, transcrever os fonemas e grafemas no papel.

Esclarecidos estes conceitos, podemos dizer que um indivíduo bilíngue pode se comunicar em duas línguas, compreende e reproduz as palavras, mas também entende o contexto e as utiliza em interação social. Apenas saber significados de algumas palavras soltas não torna alguém bilíngue, não é mesmo?

Com relação ao conceito de biletrado, pode-se dizer que é um indivíduo que tem a habilidade de ler e escrever fluentemente em duas línguas. Ou seja, este conceito tem muito mais a ver com a habilidade de escrita, leitura e produção de textos.

**Algumas informações foram adaptadas do Insta da Louise Furtado Machado (@sou.bilingue) e do site https://definitions.uslegal.com/b/biliteracy/

Sendo assim, Alice pode ser bilíngue, mas ainda não é biletrada, pois mesmo que saiba todo o alfabeto nas duas línguas, ainda não consegue produzir textos.

IMG_20191218_172227064
Atividade que a tia Duda fez com a Alice quando ela estava indo para a escola comigo. S2

 

Bem, este assunto será nosso enfoque aqui no site, então teremos muitos posts com mais informação relevante que fui reunindo, nesses mais de dois anos de prática em educação bilíngue.

Se quiser assistir aos vídeos que posto das atividades com a Alice, siga meu canal no Youtube ou nos acompanhe pelo Instagram:

Sílvia Santoshttps://www.youtube.com/channel/UCO3Zl9lJb4ICTynaRN6TxoA

Instagram:

@silvialosantos – Perfil pessoal

@prof.silviasantos – Assessoria Educacional

O que você acha da educação bilíngue? Tem alguma dúvida? Comente aqui e vamos interagir!

Abraços virtuais e até o próximo post!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s